I Festival de Vela em Búzios (RJ) termina com mais de 100 velejadores

I Festival de Vela em Búzios (RJ) termina com mais de 100 velejadores

Written on 07/11/2022

No último final de semana, de 4 a 6 de novembro, foi realizado o I Festival de Vela em Armação dos Búzios (RJ).

Foram dois dias de regatas, muitos barcos nas águas da Praia de Manguinhos e forte adesão dos velejadores locais: o evento cumpriu sua missão e colocou a cidade novamente no calendário de eventos oficiais da vela nacional.

Com boa participação de atletas locais - 12 classes, 68 embarcações e mais de 100 velejadores presentes –, a organização avaliou positivamente o Festival e já confirmou que ele volta em 2023.

A competição nasceu da parceria entre a Confederação Brasileira de Vela (CBVela), a Prefeitura e a Secretaria de Turismo e Esporte de Armação dos Búzios, com o objetivo de fomentar a vela na cidade e promover o local como referência para a realização de eventos náuticos.

Na disputa do Festival, o público buziano pôde acompanhar de perto as classes Wingfoil, Hobie Cat 16, Hobie Cat 14, Hobie Cat Wave, Dingue, ILCA, Daysailer, Optimist, Flash 165, Batera Búzios, Windsurf Open (equipamento liberado) e Bico de proa.

Entre velejadores amadores e experientes, nomes notáveis da vela nacional, como o do atleta olímpico Ricardo Winicki, o Bimba, e Albert Carvalho, que já representou o Windsurf brasileiro em competições internacionais.

''Búzios é uma das melhores raias do Brasil, que exige técnica e tática dos velejadores. É um local muito forte de vento, precisa trabalhar o corpo e o físico. Todos os campeões, como Torben Grael, elogiam essa raia''.

''É uma felicidade muito grande voltar a ter uma competição na cidade. Parabenizo a CBVela pela escolha e a opção de colocar regatas em locais fora dos grandes centros. É muito importante desenvolver a vela em todo o país!'', celebrou Walter Böddener, gerente de eventos da CBVela.

''Esse Festival possui o intuito muito legal de confraternizar, trazer a galera jovem para a vela e também reunir os familiares e a comunidade náutica. É um modelo de competição muito importante, que coloca velejadores na água e também envolve a comunidade local para a organização'', afirmou Pedro Bulhões, velejador e comodoro do Búzios Vela Clube, que sediou o evento.

O final de semana de sol, com ventos médios a fortes, contribuiu para o sucesso do evento. Com o clima favorável, mais de 100 velejadores estiveram na água, que definiu nas duas regatas de domingo os grandes vencedores das 12 classes em disputa. No sábado, a flotilha já havia corrido três regatas, que também contaram para o resultado final.

No entanto, o grande prêmio foi para Búzios, que se fortaleceu como um local referência para velejar e estimulou o esporte entre os jovens da região para encontrar novos talentos, que podem desenvolver uma carreira profissional na modalidade.

''Uma excelente iniciativa da CBVela e da Prefeitura, mas sem a presença do público e dos competidores o sucesso também não teria sido possível. Muito obrigado a todos que participaram, o evento foi lindo, muito tranquilo e com a ajuda de São Pedro!'', disse o velejador João Fernandes, campeão na classe Hobie Wave e um dos organizadores do Festival.

Foto: Fred Hoffmann | CBVela

Sobre a CBVela

A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.