Vela do Brasil conquista mais uma vaga nos Jogos Pan-Americanos de 2023

Vela do Brasil conquista mais uma vaga nos Jogos Pan-Americanos de 2023

Written on 08/12/2022

O Sul-Americano da classe Lightning foi concluído nesta quarta-feira (7) no Yacht Club Paulista, em São Paulo (SP), e serviu como definição de vagas para os Jogos Pan-Americanos de Santiago do Chile 2023.  Foram disputadas sete regatas ao todo na Represa do Guarapiranga com um descarte do pior resultado. A competição reuniu sete barcos de países como Brasil, Chile, Equador e Peru.

A medalha de ouro ficou com os chilenos Felipe Robles, Carmina Malsch e Paula Herman, que somaram 9 pontos. A prata ficou com o trio liderado pelo 11 vezes medalhista pan-americano Cláudio Biekarck, que tinha Gunnar Ficker e Eduardo Melchert. O bronze foi para a tripulação do Equador de Jonathan Martinetti, Moira Padilla e Daniela Rodriguez.

A vaga do Brasil foi garantida pelo barco de Victoria Ennser, Maurício Lamosa e Mirela Zanelli, que ficou em sétimo. Será realizada uma seletiva em 2023 para definir os nomes que estarão nas regatas do Pan de Santiago.

A nova regra para a classe Lightning nos Jogos Pan-Americanos aponta que as equipes sejam formadas por duas mulheres e um homem.

''Tenho a experiência do leme no Snipe e no Laser, mas acho que meu principal incentivo para timonear no Lightning foram as iniciativas recentes da vela feminina no país. Participei da Rio Women 's Cup, onde fui campeã, do Troféu Marina Prada em SP e das clínicas femininas de Snipe promovidas pela CBVela''.

''Acho que esses momentos são fundamentais para que nós, mulheres, possamos trocar experiências e criar perspectivas de crescimento na vela. Graças a essas iniciativas o cenário vem mudando'', contou Victoria Ennser. ''Nos dois últimos dias ficamos sempre juntos da flotilha, ao lado de grandes velejadores. Por isso, também, conquistar a vaga do país no Pan foi super gratificante.

A partir de Toronto 2015, a classe Lightning passou a ter a obrigatoriedade de ter uma mulher a bordo. Já nesta edição, a categoria passa a ser majoritariamente feminina. Em Lima 2019, o Brasil ficou com a medalha de prata com o trio formado por Cláudio Biekarck, Isabel Ficker e Gunnar Ficker. 

As regatas do Pan de 2023 serão realizadas na Cofradía Náutica Del Pacífico, em Valparaíso. Serão 12 medalhas em jogo nas classes Sunfish, IQFoil, Fórmula Kite, 49erFX, 49er, Snipe, ILCA e Lightning.

Na edição de Lima 2019, o Brasil foi o campeão do quadro de medalhas na vela com Brasil nove pódios, sendo cinco de ouro, duas de prata e duas de bronze.

Desde Buenos Aires 1951, os velejadores brasileiros também são os maiores vencedores com 39 de ouro, 27 de prata e 19 de bronze, totalizando 85. 

Atletas convocados para Santiago 2023

A CBVela - Confederação Brasileira de Vela confirmou os primeiros velejadores para a disputa dos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023. As bicampeãs olímpicas Martine Grael e Kahena Kunze tentarão a segunda medalha de ouro seguida na classe 49erFX nas raias chilenas de Valparaíso.

Outros dois nomes estão convocados para os Jogos Pan-Americanos são os maranhenses Bruno Lobo e Socorro Reis na classe Fórmula Kite. Bruno Lobo foi campeão em Lima 2019 na categoria que estreia no calendário olímpico em Paris 2024.

Por enquanto, o Brasil confirmou vaga do país nas classes iQFoil Masculino, iQFoil Feminino, Formula Kite Masculino, Formula Kite Feminino, 49erFX e Lightning. 

As outras classes terão seletivas nacionais nos meses de março, maio e junho. As categorias 49er, Nacra 17 e Lightning serão definidas de 5 a 11 de março de 2023 em Cabo Frio (RJ), na sub-sede do ICRJ.

Já a Copa Brasil de Vela de Praia 2023, também em Cabo Frio (RJ), será de 29 de maio a 04 de junho de 2023 e o campeonato serve como seletiva para as classes: ILCA 7, ILCA 6, Snipe (Misto) e iQFOil (Fem/Masc).

Sobre a CBVela

A Confederação Brasileira de Vela (CBVela) é a representante oficial da vela esportiva do país nos âmbitos nacional e internacional. É filiada à Federação Internacional de Vela (World Sailing) e ao Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

A vela é a modalidade com o maior número de medalhas de ouro olímpicas na história do esporte do Brasil: oito. Ao todo, os velejadores brasileiros já conquistaram 19 medalhas em Jogos Olímpicos.

Entre em contato com a equipe On Board Sports:

Flavio Perez

flavio.perez@cbvela.org.br

+55 11 99949-8035

www.onboardsports.net